No grupo espirita que eu faço parte há trinta anos, temos bastante músicas porque uma das trabalhadoras é cantora e compositora e o seu marido também compositor.Nas músicas trabalhamos sobre vários temas importantes como educação ambiental,prece, amar no nosso irmão,etc. Ela canta e toca violão e as crianças que são muito inquietas porque são crianças de rua e das favelas, adoram, cantam bastante e ficam calmas.Vou perguntar para ela se estão gravadas para tentar enviar para vocês e por enquanto,entrem como já falei em http://www.radiofraternidade.com.br procurem música e copiem.Muita paz.
Em 16 de março de 2010 14:32, Paty Bolonha escreveu:
Olá Pessoal
O trabalho com música pode ser muito interessante, podemos trabalhar tanto com música essencialmente espírita ou mesmo com outros estilos músicais .
É possivel encontrar em várias músicas que os jovens gostam muito a temática espírita implicita tanto o lado bom quanto o negativo, com isso ganhamos material para análise e discussão sadia sem corrermos o risco de sermos considerados “chatinhos” por querermos inserir apenas músicas de conteúdo “evangélico” .
O legal é alternar , encontrando junto aos nossos jovem uma motivação para trabalhar ambas as condições.
O grupo NX Zero tem muitas músicas com uma temática espiritual bastante forte entre outras bandas do gosto jovem,
Olha essa letra que bacana .
Além Das Palavras
Nx Zero
Composição: Conrado Grandino/Daniel Weksler/Diego Ferrero/Filipe Ricardo/Leandro Rocha/Túlio Dek
Sei que quando canto você pode me escutar
Com esperança me sinto vivo
A bola é pra frente, o pensamento é positivo
O tempo vai nos dizer quem é quem
E é assim que a gente vai levando
Caindo, mas sempre levantando
O destino me trouxe até aqui
Chorando, mas sempre melhorando
Buscando, e sempre encontrando
Nem tudo na vida tem um porque
E concluindo que a vida é uma graça
E que nessa vida sempre tudo passa
E o que sinto vai além das palavras
A vida nos leva onde temos que ir
Fica a dica.
Beijos e paz
Paty Bolonha
Em 15 de março de 2010 12:18, Adriana de Oliveira Freitas escreveu:
O jovem é super ligado em musica, trabalhando com a moçada fazemos um momento de alegria com musica e brincadeiras, no início musicas alegres e depois de reflexão para nos ligarmos ao Criador e relizarmos nossa oração… alguns temas tambem pe legal aplicar com algumas cançoes da doutrina espirita…
Grande abraço a todos.
Adriana Freitas…
evangelizejovem@cvdee.org.br
Subject: [evangelizejovem] Tema: M�sica – Intercambiando conhecimento, experi�ncia e uso
CVDEE – Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo
http://www.cvdee.org.br/ev_estudo.asp
Sala Virtual de Estudos Evangelize
PERÍODO DE 14/03 a 20/03/2010
TEMA: MÚSICA – INTERCAMBIANDO CONHECIMENTO, EXPERIÊNCIA E USO
Amigos da Sala Jovem:
Esta semana, vamos falar sobre a colocação da música na evangelização espírita, a música do coração, da alma, do corpo, etc.
A Música exerce salutar influência sobre a alma e a alma que a concebe também exerce influência sobre aMúsica. A alma virtuosa, que nutre a paixão do bem, do belo, do grandioso e que adquiriu harmonia, produzirá obras-primas capazes de penetrar as mais endurecidas almas e de comovê-las. (Obras Póstumas – Allan Kardec)
Queremos saber porque a música é importante na evangelização e como aplicar a atividade em nossos encontros.
Vocês podem compartilhar conosco a sua experiência?
Contamos com a colaboração de todos para trocas de materiais e opiniões à luz da Doutrina Espírita.
Boa semana a todos.
Bhethy
Equipe Evangelize Jovem CVDEE
Queridos Irmãos,
Que a Paz de Cristo habite sempre os nossos corações!
Estou bastante contente em participar de um espaço tão rico de idéias evangélicas como este, chegando agora na Rede já me beneficiei de inúmeras sugestões aqui postadas. Assim como, consegui tirar uma série de dúvidas.
Aproveito o momento, também, para agradecer o carinho e atenção de todos vocês.
Bem, mas especificamente ao tema em questão: musicalidade. Acho essencial na evangelização. Utilizo-me e muito da música nos encontros de evangelização. Como apoio aos temas estudados, na harmonização, no processo de sensibilização. E, agora vou somar a sugestão do desenvolvimento de um postura crítica de nossos evangelizando através da reflexão de algumas letras.
Recentemente, no tema Pluralidade dos Mundos usamos a canção Pequeno Imprevisto do Paralamas de Sucesso, assim como no tema Oração a música do Gilberto Gil “Se quiser Falar com Deus”. Temos na harmonização nos utilizado muito dos CD´s Planeta Terra e Planeta Água, assim como da Ave Maria. Mas as possibildades são infinitas como já listado:Legião Urbana, Rappa (aqui chamo atenção para a música Pescadores de Ilusão, que me levou ao Filme de mesmo nome e depois a fábula que deu origem ao Filme, acredito que ganhei muito mas em conhecimento com a pesquisa do que os meus evangelizandos, para quem direcionei o estudo), Paralamas, Casuza entre tantos outros;
Kardec no livro Obras Póstumas tece considerações importantes sobre o assunto:
“A influência da música sobre a alma, sobre o seu progresso moral, é reconhecida por todo o mundo; mas a razão dessa influência é geralmente ignorada. Sua razão está inteiramente neste fato: que a harmonia coloca a alma sob a força de um sentimento que a desmaterializa. Este sentimento existe em um certo grau, mas se desenvolve sob a ação de um sentimento similar mais elevado. Aquele que está privado desse sentimento, a ele é levado gradativamente: acaba, ele também, por se deixar penetrar e se deixar arrastar no mundo ideal onde esquece, por um instante, os grosseiros prazeres que prefere à divina harmonia.
E agora, se se considera que a harmonia sai do concerto do Espírito, disso se deduzirá que se a música exerce uma feliz influência sobre a alma, a alma, que a concebe, exerce também uma influência sobre a música. A alma virtuosa, que tem a paixão do bem, do belo, do grande, e que adquiriu a harmonia, produzirá obras-primas capazes de penetrar as almas mais blindadas e comovê-las. Se o compositor é terra-a-terra, como representará a virtude que ele desdenha, o belo que ignora e o grande que não compreende? Suas composições serão o reflexo de seus gostos sensuais, de sua leviandade, de sua indiferença. Elas serão ora licenciosas e ora obscenas, ora cômicas, ora burlescas; comunicarão aos ouvintes os sentimentos que exprimirão e pervertê-los-ão ao invés de melhorá-los.
O Espiritismo, moralizando os homens, exercerá, pois, uma grande influência sobre a música. Produzirá mais compositores virtuosos, que comunicarão as suas virtudes fazendo ouvir as suas composições.
Rir-se-á menos, chorar-se-á mais; a hilaridade dará lugar à emoção, a fealdade dará lugar à beleza e o cômico à grandiosidade.
Por outro lado, os ouvintes que o Espiritismo terá disposto para receberem facilmente a harmonia, apreciarão, na audição da música séria, um encanto verdadeiro; desdenharão a música frívola e licenciosa que se apodera das massas. Quando o grotesco e o obsceno forem abandonados pelo belo e pelo bem, os compositores dessa ordem desaparecerão; porque, sem ouvintes, nada ganharão, e é para ganhar que eles se sujam.
Oh! sim, o Espiritismo terá influência sobre a música! Como isso seria de outro modo? Seu advento mudará a arte, depurando-a. Sua fonte é divina, sua força a conduzirá por toda a parte onde haja homens para amar, para se elevar e para compreender. Tornar-se-á o ideal e o objetivo dos artistas. Pintores, escultores, compositores, poetas, pedir-lhe-ão as suas inspirações, e ele as fornecerá, porque é rico, é inesgotável.”
Abraços Fraternos,
Albana
GAM – Casa de Batuíra
São Gonçalo/Albana Azevedo para evangelize
Queridos Irmãos,
Que a Paz de Cristo habite sempre os nossos corações!
Estou bastante contente em participar de um espaço tão rico de idéias evangélicas como este, chegando agora na Rede já me beneficiei de inúmeras sugestões aqui postadas. Assim como, consegui tirar uma série de dúvidas.
Aproveito o momento, também, para agradecer o carinho e atenção de todos vocês.
Bem, mas especificamente ao tema em questão: musicalidade. Acho essencial na evangelização. Utilizo-me e muito da música nos encontros de evangelização. Como apoio aos temas a seremapresentados, na harmonização, no processo de sensibilização. E, agora vou somar a sugestão do desenvolvimento de um postura crítica de nossos evangelizando através da reflexão de algumas letras.
Recentemente, no tema Pluralidade dos Mundos usamos a canção Pequeno Imprevisto do Paralamas de Sucesso, assim como no tema Oração a música do Gilberto Gil “Se quiser Falar com Deus”. Temos na harmonização nos utilizado muito dos CDs Planeta Terra e Planeta Água, assim como da Ave Maria. Mas, as possibilidades são infinitas como já listado:Legião Urbana, Rappa (aqui chamo atenção para a música Pescadores de Ilusão, que me levou ao Filme de mesmo nome e depois a fábula que deu origem ao Filme, acredito que ganhei muito mas em conhecimento com a pesquisa do que os meus evangelizandos, para quem direcionei o estudo), Paralamas, Casuza entre tantos outros; além é claro da produção espírita.
Kardec no livro Obras Póstumas tece considerações importantes sobre o assunto:
“A influência da música sobre a alma, sobre o seu progresso moral, é reconhecida por todo o mundo; mas a razão dessa influência é geralmente ignorada. Sua razão está inteiramente neste fato: que a harmonia coloca a alma sob a força de um sentimento que a desmaterializa. Este sentimento existe em um certo grau, mas se desenvolve sob a ação de um sentimento similar mais elevado. Aquele que está privado desse sentimento, a ele é levado gradativamente: acaba, ele também, por se deixar penetrar e se deixar arrastar no mundo ideal onde esquece, por um instante, os grosseiros prazeres que prefere à divina harmonia.
E agora, se se considera que a harmonia sai do concerto do Espírito, disso se deduzirá que se a música exerce uma feliz influência sobre a alma, a alma, que a concebe, exerce também uma influência sobre a música. A alma virtuosa, que tem a paixão do bem, do belo, do grande, e que adquiriu a harmonia, produzirá obras-primas capazes de penetrar as almas mais blindadas e comovê-las. Se o compositor é terra-a-terra, como representará a virtude que ele desdenha, o belo que ignora e o grande que não compreende? Suas composições serão o reflexo de seus gostos sensuais, de sua leviandade, de sua indiferença. Elas serão ora licenciosas e ora obscenas, ora cômicas, ora burlescas; comunicarão aos ouvintes os sentimentos que exprimirão e pervertê-los-ão ao invés de melhorá-los.
O Espiritismo, moralizando os homens, exercerá, pois, uma grande influência sobre a música. Produzirá mais compositores virtuosos, que comunicarão as suas virtudes fazendo ouvir as suas composições.
Rir-se-á menos, chorar-se-á mais; a hilaridade dará lugar à emoção, a fealdade dará lugar à beleza e o cômico à grandiosidade.
Por outro lado, os ouvintes que o Espiritismo terá disposto para receberem facilmente a harmonia, apreciarão, na audição da música séria, um encanto verdadeiro; desdenharão a música frívola e licenciosa que se apodera das massas. Quando o grotesco e o obsceno forem abandonados pelo belo e pelo bem, os compositores dessa ordem desaparecerão; porque, sem ouvintes, nada ganharão, e é para ganhar que eles se sujam.
Oh! sim, o Espiritismo terá influência sobre a música! Como isso seria de outro modo? Seu advento mudará a arte, depurando-a. Sua fonte é divina, sua força a conduzirá por toda a parte onde haja homens para amar, para se elevar e para compreender. Tornar-se-á o ideal e o objetivo dos artistas. Pintores, escultores, compositores, poetas, pedir-lhe-ão as suas inspirações, e ele as fornecerá, porque é rico, é inesgotável.”
Abraços Fraternos,
Albana
GAM – Casa de Batuíra
São Gonçalo/RJ
NILZETE DE FATIMA ALVES CORDEIRO para evangelize
Olá Eduardo,
Sou coordenadora de um grupo de mocidade, em Sete Lagoas(MG), Centro Espírita André Luiz e gostaria muito de receber o material de música citado por você, abaixo. Agradeço o apoio.]
Abraços,
Nilzete
De: Eduardo Lopes Cavalcanti
Para: evangelizejovem@cvdee.org.br
Tema: M sica – Intercambiandoconhecimento,experi ncia e uso
 Amigos,
boa tarde.
participo muito pouco da lista por razões de trabalho, mas procuro ler todas as mensagens.
Trabalho com música no movimento espírita aqui do Rio de Janeiro já há doze anos na COMEERJ (Polo13) e na evangelização de jovens do Grupo Espírita Caminho da Felicidade – GECAF, no Estácio.
Em todos esses anos sempre utilizei músicas espíritas na ambientação do início dos trabalho e nos estudos. Nas vezes que utilizei outras músicas, eu tomei o cuidado de analisar as letras previamente.
Além disso, é importante lembrarmos que a música também carrega em si um pouco da vibração daquele que a compôs ou daquilo a que ela se associa.
Há diversos sites de arte espírita, como o do Clube de Arte do Lar Fabiano de Cristo (www.clubedearte.org.br) , daqui do Rio de Janeiro, que envia pelo correio, mediante o pagamento de uma pequena quantia (R$ 18,00 por mês se não me engano), um livro, CD ou DVD todos os meses, sempre com temática Doutrinária. Neste site estão à venda os títulos entregues pelo correio nos meses anteriores.
Participei no passado da Oficina de Arte Espírita (www.oficina.org.br), que é um projeto muito interessante. Ela começou com aulas de violão e, hoje em dia, também possui trabalhos na área de artes visuais e literatura Espíritas. O site ainda está em construção, mas, pelo e-mail (inscricoes2010@oficina.org.br) é possível obter maiores informações e, possivelmente, material.
Há músicas Espíritas para download nos sites dos diversos polos de COMEERJ, cujos links encontram-se no site www.ceerj.org.br/comeerj.
Maiores informações sobre música espírita também podem ser obtidas no livro “Espiritismo na Arte” de Léon Denis, editado pela CELD, se não me engano.
Ufa! Espero ter ajudado. Se alguém precisar, posso passar por e-mail nossas apostilas com cifras e partituras de coral.
Abraço,
Eduardo
evangelizejovem@cvdee.org.br
 Tema: M�sica – Intercambiando conhecimento,experi�ncia e uso
 Mara Zelia Souza Garciamarazeliasouzagarcia@yahoo.com sent:
 A musica atrai atenção dos jovens,estimula a frequencia,desenvolve a persepção e os sentimentos de todas as pessoas adoro musica espero meus evangelizandos sempre com alguma musica que fale de Deus sem ser uma musica religiosa como se eu quizer falar com Deus do Gilberto gil. um bj.
CVDEE – Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo
http://www.cvdee.org.br/ev_estudo.asp
Sala Virtual de Estudos Evangelize – Jovem
PERÍODO DE 14/03 a 20/03/2010
TEMA: MÚSICA – INTERCAMBIANDO CONHECIMENTO, EXPERIÊNCIA E USO
Amigos da Sala Jovem:
Esta semana, vamos falar sobre a colocação da música na evangelização espírita, a música do coração, da alma, do corpo, etc.
A Música exerce salutar influência sobre a alma e a alma que a concebe também exerce influência sobre a Música. A alma virtuosa, que nutre a paixão do bem, do belo, do grandioso e que adquiriu harmonia, produzirá obras-primas capazes de penetrar as mais endurecidas almas e de comovê-las. (Obras Póstumas – Allan Kardec)
Queremos saber porque a música é importante na evangelização e como aplicar a atividade em nossos encontros.
Vocês podem compartilhar conosco a sua experiência?
Contamos com a colaboração de todos para trocas de materiais e opiniões à luz da Doutrina Espírita.
Boa semana a todos.
Bhethy
Equipe Evangelize Jovem CVDEE
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: