Olá Eduardo,
Bom te ver por aqui e poder contar com toda sua experiência de anos e anos sobre o assunto. Anos de dedicação e carinho dedicado a música espírita. Aproveito para saber de sua disponibilidade em nos fazer uma visita, apresentando um pouco do seu trabalho qualquer dia desses no GAM. Seria possível? Vocês visitam outras casas, fazem apresentação para outros grupos de evangelização, oficinas, etc….
Quanto as considerações que tece são bastante oportunas, pois nos alerta sobre o cuidado que devemos ter na escolha das músicas populares, não havia me atentado sobre isso. Portanto, segundo seu ponto de vista, aquelas que não estejam em acordo com os postulados espíritas e tragam um cunho degradante não devem ser executadas, até mesmo a título de uma postura crítica. Bastante oportuno sua ponderação.
Abraços Fraternos,
Albana
— Em ter, 16/3/10, NILZETE DE FATIMA ALVES CORDEIRO escreveu:
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: